Cabecalho Sindicaliza Te 2020


 

É bastante elevada a adesão dos trabalhadores dos CTT e CTT-Expresso à greve que hoje decorre...

A população das áreas metropolitanas e do interior do País precisa que haja mais transporte...

Hoje milhares de trabalhadores do sector rodoviário de passageiros, estão na situação de “lay-off”...

Elas e eles nunca pararam de responder às necessidades impreteríveis dos portugueses no que toca...


 

Com este Orçamento do estado todos os trabalhadores irão ter um menor rendimento por via do aumento da carga fiscal, por via de maiores custos nos acessos à saúde, ao ensino e os trabalhadores do sector público terão os seus salários reduzidos entre 2,5% e 12%.

Como os trabalhadores vão ganhar menos, o governo já decidiu um aumento dos custos de principais bens e serviços, entre os quais os dos transportes.

Por outro lado, é o ano em que entra em vigor o aumento da idade de reforma para os 66 anos.

Será um novo ano, com políticas velhas, que visam o empobrecimento de quem trabalha e dos reformados e pensionistas, ao mesmo tempo que continua a dar todas as condições para o enriquecimento de quem já é o detentor de grande parte da riqueza produzida em Portugal.

É um ano novo em que os trabalhadores, para defenderem o direito a uma vida digna, têm que retomar a luta com toda a força, com mais vigor e determinação em todos os sectores.

Luta essa, que apesar da época festiva continuam em muitas empresas nas mais diversas formas, inclusive no dia de hoje e de amanhã – SPDH, Carris, CP, CP-Carga, EMEF, CTT, estando já marcadas novas lutas na Rodoviária do Tejo – dia 7 de Janeiro; Carris Tur – dia 10 Janeiro; Barraqueiro/Ribatejana – 9 e 10 Janeiro; Metropolitano de Lisboa – 9 15 Janeiro das 05h30m às 09h30m; Carris-Tur - 10 Janeiro das  7h00 às 11h00m e outras se seguirão em defesa da valorização dos salários, da defesa da contratação colectiva e por melhores condições de vida e trabalho.

Com desejos de um Ano Novo, com reforço da combatividade por novas políticas, que respeitem e dignifiquem quem trabalha e quem já trabalhou, a FECTRANS apela a todos os trabalhadores o reforço da sua mobilização e da construção da unidade na acção em cada local de trabalho, condição essencial para se levar de vencida as lutas que termos que travar.

Tradutor

Agenda

junho 2020
D Sb
31 1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 1 2 3 4

Informação por email

Sindicaliza-te

LOGOTIPO SINDICALIZACAO

Videos

IPTRANS

Visitantes

Temos 109 visitantes e 0 membros em linha

Hoje
Ontem
Semana
1797
3824
13319

Estatistica

Visualizações de artigos
1078340



 Av. Álvares Cabral 19, 1250-015 Lisboa - Telef: 21 845 3466 * E-mail: [email protected]

Direitos de autor © 2020 FECTRANS - Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações. Todos os direitos reservados.
Joomla! é um software livre produzido sob a licença GNU GPL.